quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

MP dos Portos: portuários entregam pauta de reivindicações ao Governo.


Foto: Raul Buarque/divulgação

   Representantes dos trabalhadores portuários entregaram nesta terça-feira (26) ao governador Eduardo Campos (PSB) uma pauta de reivindicações relativas à Medida Provisória 595/12, conhecida como MP dos Portos, apresentada pelo governo federal ao Congresso. A matéria prevê mudança nas regras de operação dos terminais portuários brasileiros, entre elas a transferência para o governo federal das tomadas de decisões sobre os portos, o que afetaria diretamente o Complexo de Suape.

Os sindicalistas questionam especialmente o artigo que autoriza a liberação para terminais privados, fora da  área do porto organizado, de movimentarem cargas de terceiros. Eles querem a isonomia para os    trabalhadores portuários avulsos, ou seja, que eles também possam atuar nos portos privados.

"No documento, relatamos as consequências da MP. O governador ficou de analisar e nos dar um retorno o mais rápido possível", comentou o presidente do Sindicato dos Portuários de Pernambuco, Severino Francisco.

De acordo com ele, caso as emendas de interesse da categoria não seja aprovada, pode haver greve. "Estamos sintonizados com as federações e centrais sindicais. Ficamos em estado de greve". Na semana passada, houve uma paralisação nacional.




Fonte: NE10