quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Prefeituras do Território Estratégico de Suape participam de Seminário de Negócios

Oito municípios participaram do evento, que ocorreu na Jucepe. Bancos de fomento e órgãos do estado fizeram explanação sobre como ajudar as cidades
A Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDEC) exerceu seu poder de articulação e promoveu, no dia 4/9, o Seminário de Gestão para melhoria de Ambiente de Negócios do Território Estratégico de Suape. O evento buscou aproximar os oito municípios do território estratégico a bancos de fomento, fóruns de debate, além do próprio governo. Os municípios que estão inclusos são: Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca, Jaboatão Dos Guararapes, Moreno, Escada, Rio Formoso, Ribeirão e Sirinhaém.
O secretário da pasta, Márcio Stefanni Monteiro, fez o discurso de abertura do evento, chamando atenção para a importância dos pequenos empresários. “Temos que elaborar uma forma para que a riqueza não fuja da região. Para isso, precisamos pensar nas pessoas que trabalham em copiadoras e em salão de beleza, por exemplo. Fornecendo esse tipo de serviço, os trabalhadores das grandes empresas terminam gastando na própria região”, pontuou. Monteiro também ressaltou a importância de aliar o desenvolvimento econômico ao tema da sustentabilidade.
A Agência Estadual de Planejamento e Pesquisas de Pernambuco (Condepe/Fidem), que está elaborando um estudo sobre o local, fez uma breve apresentação sobre o Programa Especial de Controle Urbano-Ambiental. O plano busca “equilíbrio do desenvolvimento, ordenamento da ocupação e a conservação das qualidades ambientais”. A representante do órgão, Lourdes Burégio, contou que três grandes tópicos precisam ser pensados em favor dos municípios: a organização territorial; saneamento e meio ambiente e a mobilidade.
O diretor do Fórum Suape Global, Sílvio Leimig, instigou as prefeituras a participarem mais dos grupos temáticos – principalmente o GT5, que visa “dotar o estado de infraestrutura de negócios”. “As prefeituras precisam estar mais presentes, porque são nesses encontros que as informações são trocadas. Cada prefeitura poderia direcionar pelo menos uma pessoa para acompanhar os fóruns de Suape Global”, disse.
O evento foi executado pela secretaria-executiva de Políticas de Desenvolvimento, chefiada por Felipe Chaves. Além dos órgãos já mencionados, participaram do evento, que aconteceu na Jucepe: Banco do Nordeste (BNB); Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); a Agência de Fomento de Pernambuco (Agefepe); e a Agência de Desenvolvimento de Pernambuco (AD Diper).
*Assessoria de Comunicação da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco