terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Suape oferece 570 vagas para cursos gratuitos de educação ambiental.



A partir desta quarta-feira (15/1), estão abertas as inscrições para os cursos do Projeto de Pedagogia Ambiental do Complexo Industrial Portuário de Suape. Ao todo estão sendo oferecidas, em 2014, 570 vagas distribuídas em 19 turmas dos cursos de Pedagogia Ambiental, Curso Livre de Educação Ambiental e Oficina Restauração Florestal – Mata Atlântica. Os cursos são totalmente gratuitos e os alunos têm direito a certificado com 40/h, além de todo material didático necessário para as aulas, lanche, almoço e transporte com saídas do Cabo de Santo Agostinho e Ipojuca. Para se inscrever, basta acessar o site www.suape.pe.gov.br e preencher o formulário disponível.

As aulas começam no dia 4/2 e serão realizadas uma vez por semana no Centro de Treinamento de Suape das 8h às 16h. Cada curso terá duração de cinco módulos, sendo quatro presenciais. Qualquer pessoa com mais de 16 anos de idade pode se inscrever no projeto. “Orientamos o interessado a escolher o curso ou oficina que atenda às suas expectativas para evitar a desistência”, explica o coordenador de Educação Ambiental de Suape, José Roberto Zaponi.

As capacitações são direcionadas para diversos públicos. O Curso de Pedagogia Ambiental tem foco nos professores e gestores da educação ou profissionais que atuam em áreas afins. O objetivo é trabalhar a fundamentação teórica da educação ambiental através das bases conceituais da ecopedagogia. Além da sala de aula, os alunos também participam de visitas culturais.

O Curso Livre pretende sensibilizar atores sociais para discutir e difundir ideias e ações de educação ambiental. Qualquer pessoa interessada na temática ambiental pode se inscrever, com prioridade para os moradores das comunidades do entorno de Suape, servidores públicos e profissionais das empresas instaladas no Complexo. Na programação, constam visitas à Central de Triagem de Resíduos, instalada no porto, e às áreas de proteção cultural.

Já a Oficina de Restauração Florestal é totalmente voltada para atividades práticas com produção de conhecimentos sobre os processos de produção de mudas de espécies nativas de mata atlântica. Os alunos terão aulas no Viveiro Florestal de Suape e participarão de trilhas ecológicas. Para ingressar, o candidato deve morar nas comunidades localizadas em Suape.

Para o vice-presidente de Suape, Caio Ramos, as ações de educação ambiental funcionam como instrumento estratégico, permitindo a prática de um desenvolvimento pautado em políticas sustentáveis. “Acreditamos que com seriedade e compromisso é possível, sim, promover um modelo de crescimento econômico que colabore com a melhoria de vida da população”, disse.

Sobre o projeto - O Projeto de Pedagogia Ambiental é executado pelo Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP). Desde 2010, quando teve início, 2.691 pessoas já foram capacitadas e até o fim do ano, Suape vai ter investido o montante de R$ 3,3 milhões em todo o projeto. Esforço reconhecido pela Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil (ADVB-PE) que premiou Suape em 2012 e 2013 com o Top Socioambiental e de RH, prêmio que visa reconhecer as iniciativas empresariais voltadas para o desenvolvimento humano e para a sustentabilidade. 

Outras informações:

Coordenadoria de Educação Ambiental de Suape

Telefone: 3527.5088

E-mail: pea@suape.pe.gov.br


Fonte: Suape